Todo mundo tem a necessidade de ter uma experiência rápida e segura atualmente, e isso inclui o Mobile. A emoção da busca por promoções e informações sobre determinados produtos e serviços colocam as empresas à prova da velocidade. Clientes procuram por várias coisas em vários momentos, se seu site ser lento, certamente você ficará pra trás.

 

Resposta imediata ou bye bye!

Precisamos ansiosamente buscar informações, é praticamente uma necessidade para os novos usuários. Desktop não foi esquecido, mas é muito mais prático procurar uma informação rápida sobre determinado assunto pelo celular do que pelo Desktop, concorda? Se sites lentos atrasam a vida de quem quer informação rápida, a tendência é o cliente nem terminar de esperar o site carregar e isso é um problema bem comum na maioria dos sites do Brasil. Segundo o Google, 75% dos sites mobiles brasileiros demoram +20 segundos para carregar, (o que é 20 segundos pra quem quer acessar pelo Mobile para obter informação rápida? Muito, né?) mesmo que seja para pesquisar cardápios em restaurantes ou obter informações sobre horários de funcionamento. Foi por isso que o Google criou o Google My Business, para facilitar a vida dos usuários exigentes para obter informações rápidas como essas mencionadas acima.

Faça um teste, pare tudo que está fazendo e conte até 20, demora uma eternidade, né? Parece que você perdeu uns 15min do seu tempo só contando até 20.

 

Tudo é oportunidade, até a velocidade do seu site!

Compare seu site mobile com o site mobile do seu concorrente e coloque na ponta do lápis qual terá mais performance. Se seu site, por algum motivo não for rápido, é uma ótima oportunidade para otimizar a velocidade do seu site. De pouco adianta se destacar no produto ou serviço, se na hora de carregar seu site ele for lento, você perderá conversões, perderá vendas e clientes.

Se seu site for mais rápido que o do seu concorrente, é uma ótima oportunidade para conseguir deixa-lo mais rápido com uma CDN brasileira. Segundo a pesquisa do Google mencionada acima, 20 segundos é tempo demais, mas daí você provavelmente está pensando: “mas eu nunca mais vi sites que demoram +20 segundos para carregar”. Mas não é necessário 20 segundos para seu possível cliente sair do site, uns 5 segundos ja é suficiente para ele desistir de pesquisar sobre seu determinado produto ou serviço.

Conseguimos oferecer um relatório de performance do seu site para você identificar suas dores referente a velocidade, é uma ótima alternativa para começar a repensar sobre sua solução de CDN atual.

 

 

“Mas meu site nem demora 20 segundos pra carregar”

Aposto que quem disse isso está em alguma capital brasileira, onde a internet é acessível e seu site já está em cache, que facilita o tempo de carregamento do site. Mas já parou pra pensar como está a performance do seu site no interior de Tocantins, por exemplo? Ou até mesmo interior do Rio Grande do Sul. Estamos falando isso pois as opções de CDN brasileiras atualmente, não olham para o Brasil como um todo e sim para capitais mais importantes (São Paulo e Rio de Janeiro), que dificulta a performance do seu site em TODO o Brasil.

Agora você está pensando: “Mas eu nem tenho clientes lá”. Isso não importa, quando se tem um negócio online, você precisa se destacar em Performance. O Inbound Marketing lhe ajudará nisso. Você precisa se destacar por ser referencia em determinado assunto/serviço/produto. Com ajuda da Performance, você automaticamente terá mais acessos ao site. Tirando o fato de que a performance ajuda absurdamente no SEO.

 

 

Um segundo de delay, influencia suas conversões em até 20%

Um site mobile lento não influencia somente seus clientes, mas sim seu negócio online. Um segundo de delay pode influenciar suas conversões em até 20%. Ou seja, a performance do seu site influencia muito mais nas conversões do que seu próprio conteúdo dentro dele. Temos uma péssima noticia pra te dar, de pouco adianta ter o site responsivo se não for rápido =/.

 

 

Quer uma versão light para redes lentas? Te liga nas dicas 🙂

Já tem um tempo que muita gente boa vem falando sobre esse assunto. O Patrick Meenan do Google fez uma ótima apresentação ano passado sobre o assunto, você pode dar uma [olhada com calma].(https://pt.slideshare.net/patrickmeenan/scaling-frontend-performance-velocity-2016)

Muita gente usa CDN para entregar um site feito para dispositivos móveis e outro para dispositivos desktop (mesmo com versões responsivas), certo? E para dispositivos móveis E lentos? Aí que começa a brincadeira.

No Singular, permitimos detectar automaticamente a latência da conexão e entregar conteúdo personalizado baseado nisso.

Aí finalmente o usuário vai ter uma excelente experiência para a latência que ele tem no momento! E não precisamos sacrificar ninguém: A pessoa em rede rápida recebe o melhor design (e mais pesado) e a pessoa numa rede mais lenta recebe o mesmo conteúdo num design mais modesto.

Mas o que colocar nessa versão light? Vamos as dicas:

 

 

HTTP/2 com TLS 1.3 0-RTT e links em um único domínio

Usar HTTP/2 é a melhor solução para redes mais lentas, pelo fato do browser abrir apenas 1 conexão com o nodo na ponta e requisitar todo o mundo. O suporte a HTTP/2 já é grande em dispositivos móveis. Mesmo com RTT alto, passando a fase de slow start tende a ficar tudo mais rápido. Um detalhe: o ideal é usar tudo no mesmo domínio, pra justamente o browser não ficar abrindo mais de 1 conexão com o nodo.

Fora isso, usar um CDN que possui TLS 1.3 com 0-RTT é fundamental, já que é justamente um RTT a menos.

De cara, o TLS 1.3 por padrão já corta de 4xRTT para 3xRTT a negociação de criptografia. Isso numa rede móvel ou satelital de digamos, 200ms de latência, já significa um ganho bom. O Chrome já habilita por padrão, Safari. Se mesmo assim o CDN tiver suporte a 0RTT, fica melhor ainda, pois cai pra 2xRTT a negociação. É literalmente a metade do tempo pra negociar a criptografia do site. Todos ganham. O Singular suporta essa funcionalidade habilitando TLS 1.3 e HTTP/2 na interface, quando o cliente quiser. 0-RTT também é suportado pelo Singular com TLS 1.3, mas os browsers ainda não habilitam.

Use anúncio em texto

Ao invés versão de anúncio com imagens, nessa versão light migre para anúncios via texto. Onde possível, use menos anúncios também.

Carregue imagens com método lazy

Esse método permite não trancar a renderização do site antes do carregamento pleno das imagens, permitindo sensação de maior velocidade.

Evite usar fontes externas

Enquanto a fonte não chegou para dar aquele super efeito que você quer, o DOM do seu site vai aumentando…efeito final: Site lento. Use fontes simples que permitem o browser não precisar carregar nada externo numa versão leve do seu site.

 

Resumo, caso não queira ler tudo 🙂

Velocidade é essencial, performance completa em todo o Brasil só com CDN brasileira e isso é possível com o SingularCDN. Conseguimos te enviar um relatório completo de performance do seu site gratuitamente, além de oferecer um teste gratuito em nossa CDN por 15 dias.

Não vamos cansar de dizer que não adianta seu sites ter tudo que seu cliente precisa se ele for lento.

Suportar redes lentas é fundamental no Brasil, já que temos muitos provedores no país com redes wireless de qualidade flutuante, redes satelitais e os 4G que parecem 3G mas muitas vezes não tem nem meio G 🙂.

O impacto na audiência do site é imediato: Empresas chegam a ter relato de 50% mais audiência em determinado grupo ou região. Considerando que o Brasil tem redes muito diversas e como vemos latência maior de 100ms é bem comum, vale o investimento em ter um design mais simples para redes mais lentas e um CDN inteligente capaz de detectar cenários adversos e entregar conteúdo de acordo.